Wednesday, November 26, 2014

Saboroso e Nutritivo Almoço take-away Tasty and Healthy packed lunch



Bem, como vos prometi, através da última foto que coloquei no Facebook e no Instagram do blog, aqui deixo uma sugestão para um almoço take-away, que embora esteja mais voltado para as crianças, os adultos também se podem deliciar com a sugestão.

Trata-se de um wrap (eu indico aqueles integrais) cujo recheio é tão simples que qualquer um pode fazer.

Antes de mais, e como a foto acima ilustra, fica bem engraçado, agrada ao olhar dos mais pequenos e fá-los comer coisas a que muitas vezes torcem o nariz, como legumes.

Olhando para o que tinha na despensa e frigorifico, optei por uma simples cobinação de atum, cenoura bem ralada, queijo (igalmente ralado) e algumas folhas de espinafre.
 
Misturamos todos os ingredientes, espalhamos no wrap, enrolamos bem apertado (sugiro com ajuda de película aderente) e já está.
 
Algo bem simples e que pode ser feito até no dia anterior e de manhã é só retirar do frio, tirar a película, cortar na diagonal e colocar numa lancheira e levar para onde tivremos de ir.
 
Esta foi a minha sugestão de recheio mas vale quase tudo:
 
- vegetais grelhados (courgete, beringela e pimentos) com um pouco de quejo de cabra
 
-atum, ovo bem cozido, hummus e cebolinha bem picada
 
- quejo ralado, fiambre, tomate (rodelas bem finas para ajudar quando se enrola) e alface
 
- guacammole, franguinho desfiado e queijo ralado
 
Fácil e rápido, não é?
 
Até dá para usar em festinhas de crianças, cortados em rodelas de 2cm de largura a fazer lembrar sushi, colocar num prato engraçado e depois é só ver a criançada explorar os diferentes recheios.
 
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
 
Well, as I promised, through the last post on Facebook and Instagram, here I leave a take-away lunch suggestion that even if something more suitable for children, adults can also be delighted by.
 

This is a wrap which filling is so simple that anyone can make it.

First, and as the picture above shows, is pretty funny and make children eat things that often turn up their noses, as vegetables.

Looking at what I had in my pantry and refrigerator I opted for a simple combination of tuna and grated carrot, cheese and some spinach leaves.

Mix all the ingredients, spread on the wrap, curled up tight (I suggest with cling film aid) and that´s it.
 
Something simple that can be done the day before and in morning only take it out of the cold, take the film, cut diagonally and put in a lunch box ready to go to go.

This was my suggestion, but you can use almost anything:
 
- Grilled vegetables with a little of goat cheese
 
-tuna, boiled egg, hummus and some finely chopped parsley
 
- Grated cheese, ham, tomatoes (thin slices to help when it is rolled) and lettuce
 
- Guacammole, shredded chicken and grated cheese

Easy and quick, right?

You can also use this idea for children´s parties, cut into slices of 2 cm wide that reminds sushi, plate up in a funny way and leave them to explore the different fillings.

Sunday, November 23, 2014

Snack Time / Na Hora do Lanche



Today i have decided to talk about our snacks pantry, and why? Because snack time is really important to keep our children boosted in energy between the main meals.
So, in our pantry we always have Muesli (a nutty one), Dried Fruit (no sweet - such as apricots, sultanas, goji berries or dates), Ground Flaxseeds, cereal bars, fresh fruit and yogurt (in the fridge).

With all I said ,a full snack can be made for our little ones and even for us.
Normally. i combine yogurt, muesli, flax-seeds (1 spoon), fresh fruit (cut in pieces) and some cinnamon and Du and I just share this yummy meal as our afternoon snack.
Its even a simple thing to prepare in a box and take to work or even nursery.

Since Du was a 8 months baby muesli, natural yogurt, fruit purees (homemade), ground flaxseeds, some cinnamon and desiccated coconut all combined, (of course just a few of all) made up his afternoon snack. Its a piece of heaven for him.
Cereal bars (choose the ones without sugar with honey, agave or maple syrup instead), desiccated coconut, fresh fruit, nuts, whole grain bread sandwich with ricotta, cream cheese, ham, tomato and mix leaf, an omelet with some leftover or some oate crackers are as well good choices for snack time.

I believe that it is really important to provide our little ones not just nutritious meals, but also, different, good appealing, tasty and varied. They will appreciate our effort, try different things, get less fussy and more nutrients intake.
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Hoje decidi falar sobre a nossa despensa dedicada aos lanchinhos, e porquê? Porque a hora do lanche, e eu defendo para crianças entre 2 ou 3 (1 de manhã e duas no período da tarde, dependendo do tempo de cama) é realmente importante para manter as nossas crianças bem nutridas entre os principais refeições.

Assim, na nossa despensa sempre temos Muesli, frutos secos (como nozes, amêndoas, cajus. damascos, sultanas, goji ou tamâras), linhaça, barras de cereais, frutas frescas e iogurte.

Com tudo o que acima referi é possivel preparar um excelente lanche para os nossos pequenos e ao mesmo tempo para nós adultos também.
Desde os seus 8 meses que ao Du lhe ofereço muesli para bebê, iogurte natural, puré de frutas (caseiros), linhaça moída, um pouco de canela e coco ralado tudo combinado, (claro que apenas um pouquinho de cada) enquanto lanche da tarde.
É um pedaço do céu para ele.
É uma coisa prática de preparar, colocar num tuperware e levar para o trabalho ou até mesmoinfantário ou escola.
Barras de cereais (escolher aqueles sem açúcar com mel, agave ou maple syrup), coco ralado, frutas fresca, sanduíche de pão integral com ricota, queijo fresco ou requeijão, fiambre (com baixo teor de sódio), tomato e alface ou rúcula, uma omelete com sobras oubolachas de aveia ão também boas opções para a hora do lanche.

Eu acredito que é muito importante oferecer aos aos nossos filhos não apenas refeições nutritivas, mas também, diferentes, apetecíveis ao olhar, saborosas e variadas.

Wednesday, November 19, 2014

New places to play / Novos lugares para brincar


Now, back home and having my gorgeous son to look after and other stuffs to do, i cann´t just stay at home and play with him with the toys that we have here, after a while he gets bored, of course.

So, here, in UK they have these beautiful places, Children Centers where we can just pop in and play with our children with all the toys that they provide for free.

These places are supported by the government and are open Monday to Friday from 9am to 5pm and they offer an huge range of playing corners that are just an heaven for our little ones.

I use to go with Du almost every day of the week and during one hour he just plays and plays, try new things and smiles all over the place.

That will be a good example to follow in other countries like mine, Portugal.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Agora, de volta a casa e tendo o meu filho lindo para cuidar e outros afazeres, eu não posso apenas ficar em casa e brincar com ele com os brinquedos que temos aqui, depois de um tempo ele fica entediado, é claro.

Então, aqui, no Reino Unido eles têm estes lugares bonitos, que designam de Centros de Crianças, onde podemos ir e brincar com as nossas crianças usufruindo de toda a gama de brinquedos que eles providenciamde forma gratuita.

Esses locais são apoiados pelo governo e estão abertos de segunda a sexta-feira das nove ás cinco oferecendo-nos uma gama enorme de cantos e recantos com os mais diversos brinquedos e livros que são um paraíso para os nossos pequeninos.

Eu costumo ir com Du quase todos os dias da semana e durante uma hora ele brinca, experimenta coisas novas e sorrí de satisfação.

Isso seria um bom exemplo a seguir em outros países como o meu, Portugal.


Sunday, November 16, 2014

Velhos e Novos Hábitos

 
  
 

Hoje, Domingo de muita preguiça e com um céu carregado de nuvens e muita chuva, foi dia de iniciar o Du no bom hábito de lavar os dentes. E por muito irrisório que vos possa parecer, já que o piolho tem apenas 11 meses, a escovagem dos dentes deve ser incluída na rotina dos mais pequenos assim que estes começam a ter os seus lindos dentinhos de leite e agora já com 6 e tendo ele visto dezenas de vezes os pais a fazê-lo achei que era altura.

Surpreendente, não só gostou do sabor da pasta dentífrica como até lhe soube bem fazer umas cóceguinhas nas suas gengivas.

Bons hábitos são melhor apreendidos desde tenra idade e é esta a linha que eu sigo.
 
 
 
 
Um baby´s skype é o que Du é. Vivendo em UK longe da família e amigos do peito é o skype quem ajuda diariamente a matar saudades, colocar a conversa em dia, rir, chorar e é através desta magnífica invenção que a evolução do Du chega até aos meus.
 
O engraçadão é que ele até já reconhece o som da chamada, reconhece e interage com eles.
Já de pequenino mostro-lhe o quão a família é importante, e colocando o ipad na mesa de refeições, em família se almoça e/ou janta cá em casa muitas vezes 


Thursday, November 13, 2014

Cheese, selected product

Cheese, selected product


Cheese is unquestionably one of my favourite ingredients. As a healthy diet freak, I often tend to go for the fresh and cured cheeses, especially those of cow’s milk, goat and sheep, buffalo mozzarella and cottage cheese. However, I sometimes don’t resist a good, buttery cheese, blue cheese and so many other Portuguese and foreign cheeses that are commonly regarded as exquisite everywhere.

As such, I thought about leaving you with some comments regarding cheese, for whoever is interested in knowing about the endless varieties of the product.

Cheese is usually served in the later stages of meals (before or after dessert). It is extremely important to become acquainted with choosing the best and most appropriate cheese varieties and respective accompanying products. It is also crucial to have a proportionate diversity of colours and formats to make it more appealing to the eye and the stomach.

If possible, use knives specifically designed for cheese.
When choosing the ingredients to prepare a cheese table, please bear and mind that the flavours must be subtle enough not to overrun the very flavours of the cheese.

For example:

Fresh and crusty bread, with a neutral flavour

Season fruits, but avoid those of a more acid flavours (lemon, pineapple, kiwi) or very sweet for that matter, with peach, apple and grape being the most adequate

Dry fruits, such as - raisin, apricot, plum and fig, walnut, almond and hazelnut - combine very well with cheese.

Surprise your guests with a varied table of different cheese, trying to highlight that in spite of its active smell, sometimes not the most attractive one, still holds an authentic flavour.

Learn to taste a cheese and let yourself go of traditional knowledge and bad habits that industrially produced so often trapped our flavours in.

Wednesday, November 12, 2014

Uma Mãe dos nossos Dias / Modern Mum

Eu gosto de me auto-apelidar de uma mãe moderna, daquelas que foge ao estereotipo de mâe super-protetora, que vive em exclusivo para o seu rebento e que se esquece quase de si própria.
 
 
NNão quero com isto dizer que deixo o meu filhote para segundo plano, não, coloco-o no mesmo plano, ou seja, ele faz parte da minha vida e tal como gosto de cuidar dele (banho, cremes hidratantes, roupa limpa e bem combinada, alimentação equilibrada) também continuo a gostar de cuidar de mim.
 
Chamem-me vaidosa, superficial, o que quiserem, mas eu acredito que uma mãe feliz com o seu especto é uma mãe ainda mais confiante na relação com os seus filhos.
 
 
E hoje é esta a mensagem: Mulheres cuidem-se antes, durante e depois da gravidez, vale bem a pena.

Sunday, November 09, 2014

Criança feliz e com pouco.


O meu pequenote fica feliz com muito pouco e após brincar com reais brinquedos e aborrecer-se deles gosta de rumar até aos armários mais próximos, tirar tudo quanto possa e daí fazer uma festa.

Tem uma especial queda por formas de bolo, bolas/bacias e colheres e em casa de cozinheiros estas são coisas que abundam e fazem muito parte do nosso dia a dia.

E como é "de pequenino que se torce o pepino", é já de tenra idade que o inicio nesta arte dos tachos, panelas e formas para que cresça, vire gente e saiba cozinhar, que conheça os seus ingredientes, os respeite, saiba combinar e, claro, que os saiba degustar.

Eu gosto de o ver a mexer com estas coisas, a cara de admiração que faz enquanto cozinho, o ar de satisfação quando se senta à mesa e tem companhia.

Eu cresci tendo a mesa como centro de quase tudo, desde conversas importantes, disparates, discussões, festas comemorativas e como tal, tudo quanto se coloque ao se passe à mesa é vida para mim. Como tal, a mesa e a cozinha são com certeza um ponto muito importante na minha vida familiar e é também isto que procuro transmitir ao meu filho.  

_________________________________________________________________________________

My little boy is happy with very little, and after playing with real toys and getting bored of them he loves to dig in the nearest cupboards and make a party with all he can reach.

He has a particular preference for cake tins, bowls and spoons, things that abound here at home and are very much part of our daily lives.
And taking advantage of the fact that he soaks up everything that he sees I intend to teach him all that I know in terms of cooking, ingredients, combinations, nutrition and tasting.

Indeed, he does a mess playing with all that stuff but  I am a happy mum when I see his face of admiration while I'm cooking and his satisfaction when we sit down to have a meal.


I grew up having the dining table as the center of my family life, everything from important conversations, discussions,funny stories to commemorative celebrations and so on.
As  a result, all that goes on and happens at the dinning table/kitchen is part of my family´s life, it is part of me and will be as well, part of my son´s life.

Wednesday, November 05, 2014

Bons hábitos cultivam-se de tenra idade


Não se trata de uma foto só para inglês ver (mesmo que o modelo seja de nacionalidade britânica), de facto o meu Du, do alto dos seus quase 11 meses come fruta diariamente.

Todos sabemos da importância da fruta no nosso dia a dia pelas vitaminas e minerais que nos proporcionam, mas muitas vezes esta é substituida por outros snacks cujo teor de açúcar, sal ou gordura é bem grandinho,m não é? E se os adultos já a evitam, como queremos que os nossos pequenos a comam?

Muitos pais esquecem-se que os filhos, enquanto pequenos, sào como esponjas que absorvem tudo ao seu redor, do bom ao não tão bom, e daí a importàância de lhes darmos bons exemplos e de sermos bons exemplos. 

Bato muito nesta yecla, mas também não me canso, fazermos e darmos uma boa alimentação nas nossas casas é meio caminho andado para que os nossos pequenotes adquiram bons hábitos e os pratiquem no futuro.

O Du come fruta desde os seus 4 meses, começou na versão puré, evoluíu para algo con pedacitos e á medida que mais dentes aparecem dou-lhe já certoas frutas para a mão, como é o caso da maça na foto.

Ah, já me esquecia, fruta com casca. Bem lavadinha e com casca, visto que muitos dos bons nutrientess encontram-se nesta. As crianças devem-se habituar a tal desde o inicio. Maçãs, pêras, ameixas, uvas, nectarinas, pêssegos, damascos, , entre outras devem ser apresentadas e degustadas ao natural, deixando a criança pegar, explorar, morder, mastigar e engolir, não transmitindo-lhe já a falsa ideia de que a casca não presta ou que se bai engasgar.

Wednesday, October 29, 2014

Doce de Abóbora (mais light do que estamos habituados)

 
No fim-de-semana, e perante a existência de umas lindas abóboras na minha mesa de jantar, resolvi fazer algo que tanto adoro, ou seja, Doce de Abóbora.
 
Contudo, não reparei que no armário o açúcar escasseava e a juntar a esse facto, apenas tinha o que aqui se designa de dark brown sugar (creio que em português refere-se ao açúcar mascavado, o mais escurinho). Como a abóbora já estava descascada e cortada em cubos, resolvi arriscar e amei o resultado, dado que continuo a poder chamar de Doce, tem uma coloração mais escura e tem bem menos açúcar que as normais compotas.
 
Portanto, fica o aviso que desde que se chegue ao ponto Estrada (aquele que quando passamos a colher no fundo do tacho de um lado ao outro abre assim meio que uma estradinha) este Doce de Abóbora pode ficar mais light usando um açúcar  menos refinado que o cristal e uma quantidade bem menor.
 
Ora vejam:
 
-1kg de Abóbora descascada e cortada em cubos pequenos
- 200gr Açúcar mascavado
-1 estrela de anis
 
Coisa mais gostosa para barrar numa tosta para acordar de sorriso bem rasgado.


Sunday, October 26, 2014

O mellhor que tenho para lhe dar ... sopa



Todos crescemos com aquela ideia de que aos nossos filhos devemos dar o que de melhor temos, ou seja, amor, atenção, conforto, compreensão e claro alimentação.

E eu, como a maioria dos pais, procuro seguir essa linha da raciocínio e claro está que a sua alimentação não é descurada, muito pelo contrário (como podem alguns posts aqui publicados demonstrar).

Hoje, Domingo, como é habito, é dia de preparar certas coisas para comer durante a semana e uma delas é a sopa para o mais pequeno.

Esta e uma simples sopa de peixe, vegetais e cogumelos – cebola, aipo, nabo, espinafres, cogumelos, pasta integral e pescada.

Simples, variada em alimentos e bastante rica do ponto de vista nutricional.

Serve também para adultos, bastando que apenas passem com a varinha 2/3 da sopa para ter uma consistência mais de gente graúda.

Facebook Share