Tuesday, May 20, 2014

B Vitamins and Children

 Discuss why children might be deficient in B vitamins and the symptoms they may show in one paragraph.

Vitamins from Complex B are extremely important for children due to their function in growth and brain development, and correct activity of digestive enzymes, important to transforming food in energy and keep skin, nerves and digestive system healthy.

Because the majority of these vitamins are water soluble, so not stored in the body, and also, because, some children can be more resistant to eat fruit, vegetables, grains and fish, these two factors together reduce drastically these B Vitamins daily sources and a deficiency is more common.

To prevent a deficiency, parents should be looking for this kind of symptoms:
Weakness;
fatigue
pale skin
sore tongue
 light sensitivity
 insomnia
poor memory
stomach upset
 diarrhoea or constipation 
 slow growth rate.

Sunday, May 18, 2014

Orientações Alimentares e Dicas de Encorajamento para que os pais saibam lidar (prevenir e combater) com a temática da Obesidade Infantil

Desenvolve um conjunto de orientações que possam ser fornecidos aos pais de uma criança obesa, de forma a assisti-los em escolhas mais saudáveis para com a alimentação dos seus filhos e assim encoraja-los a desenvolver um gosto por alimentos e opções mais saudáveis.
 

- Refeições / É importante que as crianças tenham refeições adequadas, com regularidade ao longo de seu crescimento. Por isso, sente-se à mesa e tenha refeições em família,. 30 minutos é o tempo suficiente para cada uma destas refeições diárias.
 
- Substitua os lanches carregados de açúcar por opções mais saudáveis. Isto causará uma diferença gigante para as crianças, caloricamente falando e ainda naquele que é o seu comportamento.
 
- Tente estar atento à quantidade de lanches que os seus filhos comem durante o dia. Dois é um bom número, um entre o pequeno-almoço e o almoço e outro entre o almoço e o jantar.
 
- Por dia/ 5 porções de fruta e vegetais. 1 Peça de fruta em cada lanche e no pequeno-almoço. Vários vegetais ao almoço e jantar.
 
- Corte nas gorduras/ troque as más escolhas por boas,. Azeite, óleo de coco ou de grainha de uva, abacate, frutos secos e peixe gordo. Tente evitar, ao máximo, alimentos fritos, e reduza o uso de netas, bacon ou quantidades grandes de manteiga.
 
- Use produtos de verdade, nada de comida extremamente processada, careregada de aditivos. Opte antes por fazer dos seguintes produtos a base da sua alimentação : vegetais, fruta, cereais, frutos secos, legumes , carne, peixe, lácteos, produtos e soja

- As crianças necessitam de pelo menos  60 minutos de actividade fisica por dia para os ajudar a manterem-se felizes e saudáveis.

Dicas de encorajamento

- Todos os membros do núcleo familiar devem estar envolvidos nestas mudanças, assim nenhuma criança sentir-se-á excluída.
 
- Continue a oferecer alimentos/opções saudáveis ainda que eles as recusem no início
 
- Envolva as crianças nas actividades de preparação das refeições mais simples, como saladas ou lanches saudáveis.

- Encoraje-os a comer devagar.

- Ajude o seu filho(a) a identificar se quando este(a) se sente entediado, triste ou sozinho tem mais tendência para comer, assim pode sugerir uma outra actividade ou hábito que o/a ajude a distrair.

Friday, May 09, 2014

Guidelines that could be given to parents of an obese young child,

Generate a set of guidelines that could be given to parents of an obese young child, to assist them in making healthy food choices for and with their child, and encourage their child to developing a liking for healthy food options.
 
 
 
-Meals / It is important for kids to have regular and proper meals as they are growing, So, seat at the dining table and have lunch or dinner in family. 30 minutes is a good time to spend in these 2 main daily meals.
 
-Swap sugary snacks for ones that are lower in sugar. This can make a huge difference to kids’ caloric intake and even their behaviour.
 
-Try and keep an eye on how many snacks kids are having / 2 is a good number, 1 between breakfast and lunch and another between lunch and dinner.
 
- A Day/ 5 portions of fruit and vegetables. 1 piece of fruit each snack time and breakfast and plenty vegetables at at lunch and dinner.
 
-Cut the Fat / change bad fat choices for good ones, like olive oil, coconut or grape seed oil, avocado, nuts and oily fish. Try to avoid, as much as you can, cook deep-fried food and reduce the use of cream, bacon or big quantities of butter.
 
- Use real products / no process and packed ones.
Vegetables------Fruit-----Grains------Nuts------Legumes-------Meat-----Fish----Dairy------Soya products
 
-Kids need at least 60minutes of activity per day (NHS advice) to help them stay happy and healthy
Encouragement Tips
 
-Everyone at home should be involved in these changes, so no child feels singled out.
 
- Keep offering healthy foods even if they refuse at first.
 
- Involve children in simple food preparations, like salads, soups or a healthy snack.
 
- Encourage slow eating.
 
- Help your child recognised if she/he eats when bored, sad or lonely and try to suggest another activity to help distract.

Saturday, May 03, 2014

Orientações nutricionais para quatro mulheres grávidas em diferentes fases de gestação e com diferentes estilos de vida

Desenvolva um conjunto de orientações para quatro mulheres grávidas. Com o intuito de as orientar durante as suas escolhas alimentares, assim como para que entendam quais nutrientes são especialmente importante para elas.

- No caso de uma grávida ainda no 1º trimestre

Uma grávida durante o seu 1º trimestre deve ter em consideração algumas coisas importantes como:
Suplementos- É muito importante tomar suplementos de gravidez (recomendados por um médico) que providenciam através de um simples comprimido, um grande numero de vitaminas e minerais essenciais à mãe e ao bebé

Dicas para combater os enjoos matinais (não é uma cura mas pode ajudar)

- Assegure-se que o seu estômago nunca está vazio

- Tente evitar levantar-se de estômago vazio. Coma uma tosta integral um pouco antes de se levantar

- Gengibre, pimenta ou até limão são alimentos que podem ajudar (infusões frias, temperos de saladas)

- Evite refeições gordurosas, aromas e sabores fortes, e sobremesas muito adocicadas.

- Mantenha-se muito bem hidratada

Este é o momento crucial para a sua reeducação no que toca à alimentação. Ser seguida por um nutricionista ou um bom médico de família desde cedo na gravidez, pode fazer a diferença durante todo o processo de gestação, desde os enjoos matinais até ao trabalho de parto e a recuperação pós parto. (Sou um bom exemplo disso mesmo)

No caso de uma grávida vegan

Uma mulher que seja vegan deve estar mais consciente da sua dieta durante toda a gravidez e tempo de amamentação, mais do que uma mulher que siga uma dieta “normal”. Uma vez que a sua alimentação pode ser deficitária em alguns nutrientes essenciais, não só para ela, mas também para o bebé que cresce dentro dela.

Existem alguns nutrientes chave que se deve ter em mente neste caso específico. E assim sendo, abaixo seguem algumas das minhas sugestões de alternativas vegan que poderão providenciar estes tais nutrientes vitais.

Proteína (essencial no crescimento de novas células)

- produtos de soja, lentilhas, quinoa, abacate, brócolos, sementes de girassol, sementes de linhaça , feijões, e damascos secos

Cálcio (importante o desenvolvimento saudável do esqueleto do bebe)

- vegetais de folha verde, produtos de soja, nozes, sementes, quinoa

Ferro (essencial para a necessidade extra de oxigénio para a placenta e o feto)

- cereais e pão que sejam enrriquecidos com ferro, gengibre em pó, carril em pó, vegetais de folha verde

Acido Fólico (muito importante para o desenvolvimento da coluna vertebral e o cérebro)

-cereais e pão que sejam enrriquecidos com acido fólico , morangos, mirtilos, laranjas, lentilhas, nozes, vegetais de folha verde, milho, tomate, cogumelos

Zinco (importante n processo de divisão de células e nos primeiros tempos da gravidez)

- sementes de abobora, feijões de soja, amendoins, amêndoa, cereais fortificados/enrriquecidos.

- No caso de uma grávida obesa

-a gravidez é um desafio para qualquer mulher e aquela que inicia esta fase já com o seu peso acima do que seria o mais adequado para ela o desafio apresenta-se ainda maior. No entanto, existem pequenas coisas que, se seguidas, podem ser viatisdurante a gravidez, sem grandes perigos à mulher e bebé.

É o momento crucial para uma reeducação no que toca a alimentação
- Ser seguida por um nutricionista e um bom médico de família durante toda a gravidez e depois do parto. Acredito ser vital para que lhe seja elaborado um bom plano alimentar que lhe providenciará todos os macro e micro-nutrientes essências na gravidez (ferro e vitamina C; cálcio e vitamina D; acido fólico; Zinco; omega 3; 6 e 9, complexos carbo hidratos).

O objectivo de 7 quilos - é recomendado que se pese todas as semanas tendo sempre em mente o objectivo dos 7 quilogramas (de acordo com vários estudos este é um numero perfeitamente alcançável e saudável).

Ingestão de Líquidos – muito importante a quantidade e qualidade das bebidas ingeridas. Água e infusões de ervas (cafeína não) são boas opções. Por dia deve ser ingerido de 1,5l e 2l se o tempo estiver mais quente. Em correlação directa, corte no sódio (sal) desta forma evita a retenção de líquidos (algo tão comum durante a gravidez.
 
- Para uma grávida que esteja no inicio do seu 3º trimestre

Durante o ultimo trimestre da gravidez existem alguns assuntos pertinentes que todas as grávidas devem ter em consideração:

Cálcio e Vitamina D - o cálcio torna-se mais importante à medida que os ossos do bebé começam a mineralizar-se e os seus músculos começam a contrair-se ao mexer-se dentro do útero materno.

Produtos lácteos, vegetais de folha verde escura, tofu, sementes de linhaça, quinoa, mais vitamina D (banhos de sol - com precaução).

Ferro e Vitamina C - importante para reduzir riscos de h
emorragias no pós-parto e para combater a perda de sangue nas semanas após o mesmo.

- Carne, cereais e pão enrriquecidos; gengibre em pós, curry, vegetais de folha verde

Combinando tudo isto com produtos ricos em vitamina C como: citrinos, kiwis, ananás, pimentos, papaia, tomate, brócolos e espinafre.

Nutritional guidelines for four pregnant women in different stages and lifestyles


Develop a set of guidelines for four pregnant women. Present your guidelines as you would a leaflet or brochure for these women, to assist them in making healthy food choices, and to understand what nutrients are especially important for them.

one who is in her first trimester
A pregnant woman during her first trimester should be aware of some important things like:
Vitamin and Mineral Supplementation – It is really important taking a Pregnancy Supplement (recommended by a Doctor or a Midwife) providing by a pill a bunch of vitamins and minerals essential for the mum and the baby.
Tips to combat Morning Sickness (it is not a cure but can help)
- Ensure your stomach is never empty
- Try to avoid get up in the morning in a empty stomach. Have a wholegrain toast right before getting up
- Ginger, peppermint or even lemon are foods that can help (cold infusions, dressing a salad)
- Avoid oily foods, strong aromas and flavours and too sugary deserts
- Keep yourself really well hydrated
It is a crucial moment for a re-education in terms of food intake - By being followed by a Nutritionist or a really good GP early pregnancy, even with Morning Sickness, make the difference for all pregnancy time, labour and pos-partum recover. (I am a good example of that)
• one who is a vegan
A vegan woman must be more aware of her diet during all pregnancy and breastfeeding time compared with an ordinary diet. Because her food intake can be deficient in terms of some essential nutrients, not just for her, but also for the baby growing inside.
There are a few key nutrients to bear in mind in this case and here I suggest some vegan alternatives to get these vital nutrients:
Protein (essential in the building of new cells)
- Soya products; lentils; quinoa; avocado; broccoli; sunflower seeds; flax seeds; beans; dried apricots
Calcium (important in mums muscle contraction and for a healthy skeletal development)
- Green leafy vegetables; soya products; nuts; seeds; quinoa
Iron (essential for the extra oxygen requirements of the placenta and growing fetus)
- Iron-fortified cereals and bread; ground ginger; curry powder; green leafy vegetables
Folate (really important in spine and brain development)
- Fortified grain products; strawberries; blueberries; oranges, lentils, nuts, green leafy vegetables; marmite; corn; tomato, mushrooms
Zinc (important during the process of cell division and in the early stage of a pregnancy)
- pumpkin seeds; soya beans; peanuts; almond; fortified cereals
• one who is obese
A Pregnancy is a challenge in a woman’s life and for those who start one already overweight the challenge is even bigger. However, there are some guidelines that, if followed, the challenge can be overtaken:
It is a crucial moment for a re-education in terms of food intake - By being followed by a Nutritionist or a really good GP during all pregnancy and pos-partum, which would provide a good food plan in order to provide all the macro and micro-nutrients essential during pregnancy (iron and vitamin C; calcium and vitamin D; Folate; Zinc; omega 3;6 and 9, complex carbohydrates)

The Goal of 7 Kg – It is recommended to be weight every single week, bearing in mind the 7 Kg goal (according with several studies it is perfectly rescannable amount of kilos to put on.

Liquid Intake – Really important the amount and quality of drinks. Water and herbal infusions (no caffeine) are good choices. At least 1,5l a day and 2L if the weather is hot. In direct correlation, cut is sodium (salt) avoiding liquid retention (so common during the pregnancy) and even less mobility and fatigue.
one who is at the start of her third trimester
During the last stage of pregnancy there are some pertinent things that all pregnant should be aware:
Calcium and Vitamin D – Calcium becomes more important as the baby soft bones begin to mineralise and it’s muscles begin to contract as it moves about in the uterus.
-dairy products, dark green leafy vegetables, tofu, flaxseeds, quinoa and seeds MORE Vitamin D (sun baths – with care)

Iron and Vitamin C – important to reduce pregnant risk of pos-partum haemorrhage and to combat the heavy blood loss in the weeks after labour
- Meat, iron-fortified cereals and bread; ground ginger; curry powder; green leafy vegetables
Combining this with products rich in Vitamin C like: Citrus fruits, Kiwis, pineapple, peppers, papaya, tomatoes, broccoli, spinach

Friday, May 02, 2014

fussy young toddler ? Check some tips to make food more interesting

 List some ways that foods might be made more interesting to a fussy young toddler (about 1 year old)

Focus on Colour

Colourful dishes are more appealing to kids, so it is interesting purchasing different colours of more ordinary products like purple cauliflower, yellow tomatoes, purple and yellow carrots and black rice.

Maximize their interest

By incorporating the child current obsessions into their meals, like shapes, countries, colours, numbers, etc.

Use fun names

Calling foods by fun and silly names such as: grapes – alien heads; broccoli by babies trees; spinach by muscles leaves.

Serve it different

Vegetables like Kebbabs, Mini-pizzas using wholegrain toasted bread, making savoury muffins, serving cottage/sheppard/fish or any other pi in a tea cup, fish on papilote, etc

Tuesday, April 29, 2014

Children's Nutrition - healthy foods for 8, 15 and 24 months babies.

 
Create a list (up to 5) of healthy foods for: 
 
• An 8 month old baby
 
-potato, broccoli and chicken mash
 
- dried apricot and peach puree
 
-baby rice, chicken and beans mash
 
- sweet-potato mash with soft pieces of salmon (grilled)
 
- banana and dates puree with plain yogurt
 
- apple and raisin compote with smooth avocado
 
A 15 month old baby
 
-No sugar banana loaf (using ripe bananas and dates puree instead of sugar)
 
- vegetable (tomato, courgette and chedar cheese) muffins
 
- mango, strawberry and banana fruit salad with ground flaxseeds
 
- grilled sea-bream with quinoa peas and smooth carrot
 
-Mushroom, spinach and fennel omelete
 
• A 2 year old toddler
 
- No sugar Flapjacks (using dates puree instead of sugar)
 
-lamb and vegetable stew and basmati rice
 
-roasted sweet-potatoes wedges and parsnip with pan-fried cod and a mix of green-beans and broccoli
 
-linguinni with mushrooms, spinach, carrots and tofu
 
- muesli, natural yogurt and fresh strawberries

Monday, April 28, 2014

My Super Food Salad



Porque superfood salad? Porque os ingredientes que a compõem sao de extrema riqueza nutricional.

Está e uma salada simples de preparar, com ingredientes fáceis de encontrar e excelente para o verão ou para um picnic ( que foi o caso desta).
 
Ingredientes:
 
-1 misto de alface, rucula e espinafres
-tomate em rodelas finas ou tomate cereja
-pequenas muzzarelas (ou um queijo fresco ou requeijao)
-nozes
-cenoura (ralada ou eu usei um descascador para tirar umas finas “laminas” )
-pimento vermelho (cortado em finas tiras)
-courgette (cortada na diagonal)
Salteei a courgete e o pimento em azeite e deixei que arrefecem-se.
-sementes de sésamo
-azeitonas
-manga (cortada em pequenos cubos)
 
Tempero para está salada ver neste link
 
Resolvi empratar numa travessa, uma vez que ela precisava de sobreviver a uma viagem de 1hora de carro antes de ser temperada e servida. Fui, dispondo os vários elemtos por camadas e quase de uma forma artistica.
 
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Why superfood salda? Because all the ingredientes are extremely rich in good nutrientes.
This is a simple salad to prepar, with ingredientes eay to find and good for summer or even for a picninc.

Ingredients

-A bag of mix leaves (rocket, baby spinach and lecture)
- tomato in thin slices or cherry-tomatoes
-small mozzarella balls
- carrot, I used a peeler to take some thin layers
-red pepper bell, cut on strips
-courgette, cut on diagonal
(I slightly fry in a pan with some olive oil, pepper bell and courgette, and leave to cool down before assemble the salad)
-sesame seeds
-olives, no stone
-mango, cut in small cubes

Check the dressing here

I decided plate up in a tray and i was arranging the ingredientes almost in a artistic way not just for a good looking presentation but also to avoid damaging some of the most soft ingredientes.

Sunday, April 27, 2014

Let's start weaning ? Vamos passar para a comida de gente grande?

Esta semana que passou resolvi dar a conhecer ao meu Edu o maravilhoso mundo da comida de gente grande, mesmo que ainda não passe de puré.
O resultado tem sido bastante positivo, ele primeiro estranha e depois habitua-se.
Comecei por um simples baby rice, o equivalente a farinha de arroz, evolui para um mix de batata-doce, com o tal baby rice, também já lhe ofereci puré de maça e pêra e amanha vamos para brócolos e cenoura. Mesmo que a coisa não passe alem de umas 10cch, a introdução de sólidos deve ser feita aos poucos e manter o leite como alimento primordial.

Nutrição Infantil – Orientações que qualquer pai ou mãe pode utilizar para fornecer os nutrientes básicos aos seus filhos.

Para os interessados em conselhos, sugestões e informação nutricional para bebés e crianças deixarei aqui uma série de posts que irão abordar algum do material que tenho estudado no decorrer do meu curso em nutrição infantil.

Aqui vão algumas das respostas aos trabalhos que me tem sido requeridos ao longo do curso.

Elabore um conjunto de instruções básicas que qualquer pai/mãe compreenderá e facilmente as use de forma a fornecer os nutrientes necessários para o crescimento saudavel dos seus filhos.

Ainda que a nutrição infantil exija uma diferenciação de acordo com a idade da criança, nível de actividade, a sua saúde e tamanho, a extensão de nutrientes que os mesmos necessitam ao longo das suas vidas é constante.

Portanto, numa dieta saudável devem constar:

Proteínas: (carne, peixe, ovos, produtos de soja, lacticínios)

Carbohidratos: (complexos como cereais integrais, grãos, quinoa, batata doce, arroz)

Gordura: (saudáveis, como a dos frutos secos, sementes, lácteos, azeite, oleo de coco, peixes gordos)

Vitaminas e Minerais: (todo o tipo de vegetais e fruta)

Líquidos: (água, sumos de frutas frescas, leite de vaca ou de soja e bebidas de cereais como amêndoa, arroz ou avelã)

Ingerir ingredientes ricos em ferro (carnes vermelhas, vegetais de folha verde) combinando na mesma refeição com ingredientes ricos em vitamina C (citricos, brocolos, batata doce, kiwi ou abacaxi). uma vez que esta ajuda o metabolismo na absorção do ferro.

Algo muito importante é dar às crianças alimentos que contenham ómega 3 , tal como peixes gordos como atum, cavala, sardinha, truta ou salmao. Pois o ómega 3 é de extrema importância para o desenvolvimento das células cerebrais.

 Viatmina D é essencial para a absorção do cálcio, por esta razão as crianças devem brincar ao ar livre tendo contacto com a luz solar, de onde a vitamina D provem, ou então através de suplementos (sempre autorizados por um medico)

Cada tipo diferente de alimento será rico em diferentes nutrientes e pobre noutros, assim sendo a combinação dos mesmos em várias refeições terminara numa dieta em equilíbrio de nutrientes.

Facebook Share